Termas de Chillán, muito mais que neve

No seio da montanha surge uma grande quantidade de atividades para o contato direto com a natureza.

lunes, 02 de agosto de 2010 Categoría: Termas
Termas de Chillán Termas de Chillán (Photo: Turismo Chile)

Canchas de esqui no inverno, aventura sobre as montanhas durante o verão, águas termais e florestas. É uma soma de fatores de um lugar incrível para os amantes das atividades ao ar livre. Com um formoso hotel criado em 1997 e com a denominação de resort de montanha, as Termas de Chillán é um convite durante o ano todo.

O hotel oferece uma série de atividades que possuem direta relação com a natureza: trekking, cavalgadas, muros de escalada, canyoning e rapel, aproveitam as excelentes condições oferecidas pela cordilheira do Bío-Bío.

Aqui se inclui também a subida aos nevados de Chillán, de 3212 m de altura. Para os mais tranquilos há um completo SPA com águas termais. Banhar-se numa piscina externa com temperaturas de 60º C durante a temporada invernal é um presente para os sentidos.

Precisamente quando tudo está nevado, a paisagem da montanha se torna ainda mais bela. Os picos nevados são a antessala de um completo centro invernal com 9 elevadores para esqui e 28 pistas a 1600 m. O circuito possui a pista mais longa da América do Sul com 13 km de comprimento e espaços para o esqui nórdico, um snowpark e tobogãs de neve. Há muito que fazer durante toda a temporada.

Adiciona-se a estas atrações, o vale de Shangri-lá com ótimos lugares para escalada. As termas se localizam a 82 km a leste de Chillán. No caminho está a Caverna dos Pincheira, formação de rochas que serviu de esconderijo para os famosos bandidos de cem anos atrás.

img_banner