Expedição chilena conquista o Everest 20 anos após a primeira subida

O grupo de 10 montanhistas, que se transformou no primeiro de 2012 em atingir o cume, foi reconhecido pelo Presidente Piñera.

martes, 22 de mayo de 2012  
Expedición chilena conquista el Everest a 20 años del primer ascenso

No dia 15 de maio de 1992, pela primeira vez escaladores chilenos alcançaram o pico do Everest. Uma proeza até então nunca antes vista na América do Sul, e que também foi feita pela via mais difícil, pela parede do Kanshung, localizada na inacessível vertente China.

Para comemorar os 20 anos desse feito, uma nova expedição liderada por Rodrigo Jordan e composta por 10 chilenos e 10 sherpas atingiu o cume neste 18 maio, depois de 57 dias de expedição.

“Espetacular, espetacular… (estamos) todos muito contentes… (…) Emocionante, realmente emocionante”, manifestou Jordan por contato telefônico com Santiago desde o Himalaya, pouco tempo depois da façanha.

O fato de ser a primeira expedição da temporada em chegar ao topo da montanha, também significou aos chilenos uma maior demora, e tudo isso somado ao forte vento e uma sensação térmica de 40 graus negativos.

O Presidente Sebastián Piñera manifestou o desejo de que o exemplo dos montanhistas “se inculque na alma de todos os chilenos especialmente nestes tempos, em que o mundo vive cruzado por crises, recessões e instabilidades”.

“Que o nosso país seja um exemplo e que possamos continuar avançando todos juntos, porque aqui se requer o esforço de todos, e é necessário que todos se beneficiem desse esforço para que possamos fazer do Chile um país mais livre, mais justo e mais próspero”, acrescentou.

O mandatário recordou que esta é a quinta ocasião em que um grupo de compatriotas alcança os 8.848 metros do Everest e que uma de essas equipes esteve integrada somente por mulheres.

img_banner