BBC elogia a participação do chileno Tomás González em Londres 2012

Para este meio britânico, o ginasta é um dos atletas que "colocou nas alturas tanto o seu esporte como a imagem do seu país".

jueves, 09 de agosto de 2012  
BBC alaba participación del chileno Tomás González en Londres 2012

Como “príncipe do quarto lugar” o site BBC Mundo batizou o chileno Tomás González, com destacada participação na ginástica dos Jogos Olímpicos.

Em um texto intitulado “Londres 2012: o cruel destino do atleta que chega em quarto”, o cronista Raúl Fain Binda lamentou que o esportista sul-americano tenha ficado fora da luta pela medalha.

“O atleta chileno Tomás González, que tem colocado a ginástica do seu país no primeiro plano internacional, é o príncipe do quarto posto, já que ficou às portas do pódio em duas oportunidades nestes jogos, no solo e no salto”, expôs.

Por isso mesmo, expôs que “este e outros casos são particularmente dolorosos porque atletas excepcionais são percebidos como ‘perdedores’ na imaginação popular, quando na verdade deixaram tanto o seu esporte como a imagem de seus países nas alturas”.

Finalmente, recordou que “o sistema já não admite estiramentos: é cruel para atletas como Tomás González, que merecem todo o agradecimento de seus conterrâneos apesar de terem voltado de Londres com um mero diploma, em vez de uma medalha”.

O jovem de Santiago culminou a final olímpica de salto com uma pontuação de 16.183, a melhor dos últimos três anos, e uma média de 15.366 na instância decisiva no solo.

Trata-se do melhor ginasta local de todos os tempos, que chegava precedido de um sexto lugar do evento planetário de Tóquio 2011 e 18 medalhas em copas do mundo.

A atuação de González na capital britânica foi histórica para o Chile, da mesma forma que o desempenho de Natalia Duco, que quebrou a sua própria marca nacional e arrematou com a décima na final do lançamento da bala, com 18,80 metros.

Imagens: gentileza ADO Chile / Mauricio Palma