Capital do Chile

Financial Times elegeu Santiago como a cidade latino-americana do futuro

Entre outros aspectos, a revista fDi Magazine considerou potencial econômico, recursos humanos e qualidade de vida de 405 urbes.

miércoles, 18 de mayo de 2011  

A publicação fDi Magazine, revista do grupo Financial Times especializada em investimento estrangeira, distinguiu Santiago como a “cidade latino-americana do futuro” na primeira versão de seu ranking (*) que considerou 405 urbes do continente.

“Desde 2003, Santiago tem atraído 84 projetos de investimento estrangeiro direto (IED), com quase a quinta parte destes projetos com um desembolso de capital superior a US$ 100 milhões", destacou a revista britânica.

Para elaborar a lista, fDi Magazine considerou potencial econômico; recursos humanos; efetividade dos custos; qualidade de vida; infraestrutura e se a cidade é amistosa para se fazer negócios, consignou o jornal chileno La Tercera.

Segundo complementou o meio escrito, “se acrescentou uma sétima variável, de promover o IED, mas somente 100 cidades enviaram as suas estratégias. Foram atribuídas pontuações e depois um jurado de cinco pessoas decidiu”.

Em segundo lugar, apareceu Lima, a única metrópole peruana da contagem. México aparece com quatro cidades -Monterrey (3º), Guadalajara (6º), Querétaro (7º) e Hermosillo (9º)-, enquanto Colômbia somou duas: Bogotá (4º) e Barranquilla (8º).

Na lista também se destacaram as 10 melhores San José de Costa Rica (5º) e São Paulo (10º), a maior concentração urbana do Brasil e também da América do Sul.

Este reconhecimento se somou a outros similares com os quais ostenta Santiago, que tem sido distinguida pela revista AméricaEconomía como a melhor cidade para se fazer negócios da região (depois de Miami) ou a terceira com a melhor qualidade de vida de acordo a Mercer Human Resources Consulting.

(*) Solicita registro on line gratuito